Sugestão
Subscribe to the Subscribe
And/or subscribe to the Daily Meditation Newsletter (Many languages)

Meditação Diária com Krishnamurti


pixabay.com

Uma Nova Aproximação à Vida


Parece-me que uma das coisas que a maioria de nós aceita de bom grado e toma como garantido é a questão das crenças. Não estou a atacar as crenças. O que estamos a tentar fazer é descobrir por que razão aceitamos as crenças; e se pudermos compreender os motivos, o que está na origem da aceitação, então talvez, possamos não só compreender por que o fazemos, mas também libertarmo-nos disso. Podemos observar de que modo as crenças políticas e religiosas, nacionalistas e de muitos outros tipos, separam as pessoas, criam realmente conflito, confusão e antagonismo — o que é um fato óbvio; e ainda assim não temos vontade de nos libertar delas. Existe a crença hindu, a crença cristã, a crença budista — inúmeras crenças sectárias e nacionalistas, diversas ideologias políticas, digladiando-se todas umas às outras, tentando converter-se umas às outras. Podemos observar, como é óbvio, que a crença está a separar as pessoas, a criar intolerância; será possível viver sem crença? Só o poderemos descobrir se nos conseguirmos estudar a nós mesmos na nossa relação com uma crença. Será possível viver neste mundo sem ter uma crença — não mudando de crenças, não substituindo uma crença por outra, mas estar completamente livre de todas as crenças, de forma a que possamos ler uma nova aproximação à vida a cada minuto? Isto é, afinal, a verdade: ter a capacidade de encarar tudo de uma nova forma, de momento a momento, sem a reacção condicionante do passado, de modo a que não haja o efeito cumulativo que funciona como uma barreira entre nós mesmos e o que é.

© 2016 Copyright by Krishnamurti Foundations


                         Diaspora      rss 

Exceto quando houver diferente indicação, o conteúdo deste site está licenciado sob a 'Creative Commons Attribution 4.0 International License'
Web Statistics