Sugestão
Subscribe to the Subscribe
And/or subscribe to the Daily Meditation Newsletter (Many languages)

Meditação Diária com Krishnamurti


pixabay.com

Uma Mente com Problemas Não é uma Mente Séria


Umas das principais questões que temos de colocar a nós mesmos é esta: até aonde ou quão profundamente pode a mente penetrar em si própria? Essa é a qualidade da seriedade, porque ela implica ter-se consciência de toda a estrutura do nosso próprio ser psicológico, com os seus desejos, as suas compulsões, com o seu desejo de realização, e as suas frustrações, os seus sofrimentos, esforços e ansiedades, as suas lutas, tristezas e os inúmeros problemas que ele tem. A mente que está perpetuamente com problemas não é de todo uma mente séria, mas a mente que compreende cada problema à medida que eles vão surgindo e o dissolve de forma imediata de modo a que ele não perdure até ao dia seguinte — uma tal mente é séria...

Em que é que a maioria de nós está interessada? Se tivermos dinheiro, viramo-nos para as assim chamadas coisas espirituais, ou para diversões intelectuais, ou discutimos sobre arte, ou pintamos um quadro para nos expressarmos. Se não tivermos dinheiro, gastamos todo o nosso tempo, dia após dia, a ganhá-lo, e ficamos presos a essa miséria, à rotina interminável e ao seu tédio. A maior parte de nós é treinada para funcionar mecanicamente num qualquer emprego, ano após ano. Temos responsabilidades, uma mulher e filhos para sustentar, e apanhados neste mundo louco, tentamos ser sérios, tentamos tornar-nos religiosos, vamos à igreja, juntamo-nos a esta ou àquela organização religiosa — ou talvez tenhamos ouvido falar destes encontros e, como estamos de férias, aparecemos por cá. Mas nada disso trará esta extraordinária transformação da mente.

© 2016 Copyright by Krishnamurti Foundations


                         Diaspora      rss 

Exceto quando houver diferente indicação, o conteúdo deste site está licenciado sob a 'Creative Commons Attribution 4.0 International License'
Web Statistics