Sugestão
Subscribe to the Subscribe
And/or subscribe to the Daily Meditation Newsletter (Many languages)

Meditação Diária com Krishnamurti


pixabay.com

O Intelecto Corrompe o Sentimento


Sabem, existe o intelecto e existe o sentimento puro — o sentimento puro de amar algo, de ter emoções boas e generosas. O intelecto raciocina, calcula, pesa, contrabalança. Ele pergunta: «Isto vale a pena? Irá trazer-me benefícios?» Por outro lado, existe o sentimento puro — o sentimento extraordinário pelo céu, pelo vosso vizinho, pela vossa mulher ou pelo vosso marido, pelo vosso filho, pelo mundo, pela beleza de uma árvore e assim por diante. Quando os dois estão juntos, dá-se a morte. Compreendem? Quando o sentimento puro é corrompido pelo intelecto, existe a mediocridade. É o que acontece com a maioria de nós. As nossas vidas são medíocres, porque estamos sempre a calcular, a perguntarmos a nós mesmos se vale a pena, qual será o benefício que vamos retirar de algo, não apenas no mundo do dinheiro, mas também no assim chamado mundo espiritual — «Se eu fizer isto, conseguirei aquilo?»

© 2016 Copyright by Krishnamurti Foundations


                         Diaspora      rss 

Exceto quando houver diferente indicação, o conteúdo deste site está licenciado sob a 'Creative Commons Attribution 4.0 International License'
Web Statistics