Sugestão
Subscribe to the Subscribe
And/or subscribe to the Daily Meditation Newsletter (Many languages)

Meditação Diária com Krishnamurti


pixabay.com

Acção sem o Processo do Pensamento


O que entendemos por ideia? Certamente a ideia é o processo do pensamento. Não é verdade? A ideia é um processo da actividade mental, da actividade do pensamento; e a actividade do pensamento é sempre uma reacção ou do consciente, ou do inconsciente. Pensar é um processo de verbalização, o qual resulta da memória; pensar é um processo do tempo. Portanto, quando a acção se baseia no processo do pensamento, uma tal acção deve, inevitavelmente, ser condicionada, isolada. Uma ideia deve opor-se a outra ideia, uma ideia deve ser dominada por outra ideia. Então verifica-se uma lacuna entre a acção e a ideia. O que nós estamos a tentar descobrir é se a acção pode existir sem a ideia. Podemos observar o quanto a ideia separa as pessoas. Tal como já vos expliquei, o conhecimento e a crença são, na sua essência, qualidades que separam. As crenças nunca unem as pessoas; elas separam sempre as pessoas; quando a acção se baseia na crença, ou numa ideia, ou num ideal, torna-se inevitável que ela seja isolada, fragmentada. É possível agir sem o processo do pensamento, sendo o pensamento um processo do tempo, um processo de cálculo, um processo de autoprotecção, um processo de crença, negação, condenação, justificação. Certamente vos deve ter ocorrido, como me ocorreu a mim, se poderá ser possível haver acção sem a ideia.

© 2016 Copyright by Krishnamurti Foundations


                         Diaspora      rss 

Exceto quando houver diferente indicação, o conteúdo deste site está licenciado sob a 'Creative Commons Attribution 4.0 International License'
Web Statistics