Sugestão
Subscribe to the Subscribe
And/or subscribe to the Daily Meditation Newsletter (Many languages)

Meditação Diária com Krishnamurti


pixabay.com

A Auto-Imagem Conduz à Dor


Porquê dividir os problemas em grandes e pequenos? Nâo será que tudo é um problema? Porquê fazer deles problemas grandes ou pequenos, essenciais ou secundários? Se pudéssemos compreender um problema, investigá-lo com muita profundidade independentemente do quanto ele fosse pequeno ou grande, então desvendaríamos todos os problemas. Esta não é uma resposta retórica. Tomem como exemplo um problema qualquer: cólera, ciúme, inveja, ódio — conhecemo-los a todos muito bem. Se vocês investigarem a cólera muito profundamente, sem a colocarem simplesmente de parte, então o que é que está envolvido nela? Por que é que nos encolerizamos? Porque estamos magoados, alguém disse algo desagradável; e quando alguém diz algo agradável, vocês ficam satisfeitos. Por que é que se sentem magoados? É a importância que dão a vós mesmos, não é verdade? E por que é que nós damos tanta importância?

Porque temos uma ideia, um símbolo de nós mesmos, uma imagem de nós mesmos, daquilo que devemos ser, daquilo que somos ou que não devemos ser. Por que é que criamos uma imagem de nós mesmos? Porque nunca estudámos o que somos, verdadeiramente. Pensamos que devemos ser isto ou aquilo, o ideal, o herói, o exemplo. O que faz despertar a cólera é que o nosso ideal, a ideia que fazemos de nós mesmos, é atacado. E a ideia que fazemos de nós mesmos é a nossa fuga ao fato do que realmente somos. Mas quando vocês estão a observar o fato real do que são, ninguém vos pode magoar. Então, se eu for um mentiroso e me disserem que eu sou um mentiroso, isso não significa que me sinta magoado; trata-se de um fato. Mas quando eu estou a fingir que não sou mentiroso e alguém me diz que o sou, então fico colérico, violento. Portanto, nós estamos sempre a viver num mundo de ideias, de mitos, e nunca no mundo da realidade. Para observarmos o que é, vermo-lo, familiarizarmo-nos com ele, não deve haver nenhum julgamento, avaliação, opinião ou medo.

© 2016 Copyright by Krishnamurti Foundations


                         Diaspora      rss 

Exceto quando houver diferente indicação, o conteúdo deste site está licenciado sob a 'Creative Commons Attribution 4.0 International License'
Web Statistics